domingo

Um Ébrio




Aquelas flores,
lindas!,
têm espinhos...
Você os viu?

Sem eles,
seriam tão belas?...

Na garrafa escura,
sem rótulo,
há um líquido;
seria vinho?...

Pode haver amor,
delicadeza,
por detrás da palavra
que exprime revolta,
dor...

Antes de colher aquela flor,...
que se reconheça
a beleza de sua defesa.

Palavras embriagam...

ju rigoni (1998)


Visite também
Fundo de Mim II, Medo de Avião, Navegando...

3 comentários:

Lara Amaral disse...

Bom me embriagar por aqui.

Beijos.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

é Ju..... não tem uma parte boa e uma ruim. A gente que tem mania de quere mudar tudo....

Nilson Barcelli disse...

"Palavras embriagam"... é mesmo...
Belíssimo poema, querida Ju. Gostei imenso das tuas palavras.
Bom fim de semana.
Beijos.